Ciência: SpaceX – Marco histórico abre as portas para o futuro do mundo

SN10

Ontem dia 3 de março de 2021 a SpaceX escreve uma nova página na história recente do mundo. Depois de alguns dias de teste e mais testes e depois um comando de abortagem para o lançamento do SN10 para o voo sub-orbital de 10Km, finalmente o SN10 deixou o solo e rasgou o espaço aéreo do estado do Texas nos Estados Unidos.

Com três motores Raptor, o SN10 subiu a uma altitude de 10Km, ao atingir o teto máximo proposto pela teste de voo, o SN10 virou na horizontal e deslizou de barriga rumo ao ponto de pouso, em um voo suave quando se aproximou do solo, foram ligados os três motores e por um instante o SN10 realizou o tão esperado e aguardado pouso, abrindo caminho para o futuro das jornadas espaciais.

Assisti ao evento várias vezes e vibrei de emoção, como se o homem pisasse no solo lunar pela primeira vez, isso me abriu uma questão lógica e cheguei a conclusão que esse grande feito, apesar de ser apenas um teste, abriu um marco histórico dando as boas vindas para o futuro da exploração espacial e da humanidade.

Quem nunca assistiu a série Star Trek, não faz tanta diferença, mas para que assiste e é fã de Jornada nas Estrelas se viu viajando nas estrelas ao ver a história sendo escrita ontem num capítulo emocionante aguardado a muitos anos desde quando Elon Musk anunciou sua corrida espacial com uma empresa de capital privado, a SpaceX.

Assista o vídeo a partir do momento que a SN10 é lançada e seu pouso.

Foi emocionante ver um objeto com 50 metros de altura e 9 de diâmetro subir aos céus e pousar como a tecnologia havia planejado. Toda a equipe envolvida no projeto da SpaceX parabéns pelo grande feito, parabéns ao Elon Musk que escreveu seu nome na história desse mundo, entrando em fim, para o mural dos grande nomes que fizeram história nesse mundo.

Depois de alguns minutos que a SN10 pousou, explodiu, destruindo o booster que havia feito história. Não se sabe ainda se a explosão foi acidental ou programada, mas posso garantir que a telemetria enviada ao centro de controle do projeto, coletou todos os dados que o SN10 envio, e os próximo foguetes de teste que estão sendo montados, podem ter o mesmo destino que o SN10, mas sem explodir depois.

O programa StarShip levará o homem à lua e a marte, mas tenho certeza que abrirá caminho para a exploração espacial mais ampla, podendo levar o homem onde nenhum ser humano jamais foi.

Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras Notícias...