Minas Gerais: Autoritarismo – Governador de MG decreta lockdown em 60 cidades

Romeu Zema

O governador Romeu Zema Neto (NOVO), decretou nesta quarta-feira (03) lockdown em 60 cidades de Minas Gerais.

As cidades fazem parte das “macrorregiões de Saúde” do estado.

O decreto faz parte da “onda roxa” do “Minas Consciente” pelo governador, para aplicar medidas autoritárias e mais rígidas de restrições aos cidadãos mineiros, o que inclui o toque de recolher das 20h às 5h e 24h aos finais de semana.

Zema ainda ameaça decretar as medidas nas regiões Norte, Triângulo do Sul e Leste do Sul, caso “apresentem piora nos indicadores.”

As medidas passarão a valer nesta quinta-feira (04), a partir de sua publicação no Diário Oficial do Estado.

Entre as regras do governador estão a proibição de circulação de pessoas sem o uso de máscara, em qualquer espaço público ou de uso coletivo, ainda que privado; a proibição de circulação de pessoas com sintomas gripais, exceto para a realização ou acompanhamento de consultas ou realização de exames médico-hospitalares; a proibição de realização de reuniões presenciais, inclusive de pessoas da mesma família que não coabitam.

O “Comitê Extraordinário Covid-19” do governo mineiro também suspendeu a realização de qualquer tipo de evento público ou privado que “provoque aglomeração.”

De acordo com a Secretaria de Comunicação do governo de Minas Gerais (SECOM-MG), as regiões que passarão pelo lockdown têm cerca 85% de ocupação dos leitos de UTI Covid.

“Nessa fase, só será permitido o funcionamento de serviços essenciais e a circulação de pessoas fica limitada aos funcionários desses estabelecimentos”, afirmou o governo.

“A comprovação para outros deslocamentos não essenciais se dará através de documento de identidade oficial com foto e autodeclaração para deslocamento durante a quarentena”, completou a SECOM-MG.

A medida de Romeu Zema vem, coincidente e paralelamente, na esteira de diversas medidas autoritárias de governadores do Brasil.

Matéria de Bruna LimaTerça Livre

Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras Notícias...